19 de junho de 2012

Casais de Sucesso

O que precisamos para um casamento dar certo?
Para o casamento começar a dar certo é necessário deixar e isso significa:

"Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á a sua mulher, e serão ambos uma carne." (Gênesis 2.24)


  • Deixar emocionalmente


Não devemos mais estar ligados emocionalmente aos nossos pais, isto não significa parar de amá-los, mas sim tornar seu cônjuge a principal pessoa em sua vida.


  • Deixar geograficamente


"Quem casa quer casa", acho que a pessoa que fez este ditado era cristã. A Bíblia instrui, muito sabiamente, que os casados devem morar em locais separados de seus pais. Isso porque o casal está formando uma nova família, com novos padrões, jeitos, gostos e condições. E o casal tem de aprender a criar o novo jeito de viver juntos, sem a influência das famílias anteriores.


  • Deixar financeiramente


Juntamente com as emoções, o dinheiro deve ser direcionado para a nova família com prioridade, se o casal tem condição e concordar em ajudar os familiares, tudo bem, mas a prioridade é o próprio sustento.


- Casamento é uma sociedade, por isso não pode-se mais ter uma vida independente. O dinheiro, os bens, o corpo são coisas em comum do casal.


- No casamento deve haver respeito à individualidade de cada um, isto é, respeitar o espaço de cada um. Exemplo: respeitar o futebol, o shopping, as cartas… Mas tudo com equilíbrio.

- O casal deve ter uma única cultura, não mais a cultura de cada um, deve haver a identidade do casal.

- O homem deve amar:

“Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela.” (Efésios 5.25)

Marido, ame a sua esposa, assim como Cristo amou a Igreja e deu a sua vida por ela. Ele fez isso para dedicar a Igreja a Deus, lavando-a com água e purificando-a com a sua palavra. E fez isso para também poder trazer para perto de si a Igreja em toda a sua beleza, pura e perfeita, sem manchas, ou rugas, ou qualquer outro defeito. O homem deve amar a sua esposa assim como ama o seu próprio corpo. O homem que ama a sua esposa ama a si mesmo. Porque ninguém odeia o seu próprio corpo. Pelo contrário, cada um alimenta e cuida do seu corpo, como Cristo faz com a Igreja, pois nós somos membros do corpo de Cristo. Como dizem as Escrituras Sagradas: “É por isso que o homem deixa o seu pai e a sua mãe para se unir com a sua esposa, e os dois se tornam uma só pessoa.” Há uma verdade imensa revelada nessa passagem das Escrituras, e eu entendo que ela está falando a respeito de Cristo e da Igreja. Mas também está falando a respeito de vocês: cada marido deve amar a sua esposa como ama a si mesmo, e cada esposa deve respeitar o seu marido”
Feliz é o homem que ouve a sua mulher, porque elas possuem um “radar” e conseguem detectar situações ruins.

- A esposa deve respeitar e ser submissa ao homem:

“Esposa, obedeça ao seu marido, como você obedece ao Senhor. Pois o marido tem autoridade sobre a esposa, assim como Cristo tem autoridade sobre a Igreja. E o próprio Cristo é o Salvador da Igreja, que é o seu corpo. Portanto, assim como a Igreja é obediente a Cristo, assim também a esposa deve obedecer em tudo ao seu marido.” (Efésios 5.22-24)

A mulher deve respeitar e ser submissa ao marido. Este conceito é muito mal interpretado hoje, ser submisso a alguém significa estar sob a mesma missão que outra pessoa. Isso envolve confiança na direção que o outro está enxergando e caminhando. Ser submissa não é ser omissa, a mulher pode e deve expor sua opinião com respeito.

- Casamento precisa de renúncia da vontade própria para fazer a vontade do outro.

- O casamento é para fazer o outro feliz e não você mesmo.

- No casamento devemos prestar contas um ao outro, com humildade, transparência e fidelidade. (Tiago 5.16). Isso significa que um deve responder às perguntas do outro com paciência e humildade, não ocultando nada porque assim evitamos que encubramos o pecado. Prestar contas também é contar com a assessoria do cônjuge para evitar fazer maus negócios.

- O casal deve ser cúmplice um do outro, deve se comunicar com transparência.

- Casais inteligentes tem unidade e crescem juntos, eles somam todos os recursos para multiplicar e não ficam procurando motivos para dividir e subtrair.

- No casamento deve haver lealdade e transparência. Quando Deus criou Adão e Eva, eles estavam nus e não escondiam nada um do outro.

Casamento é uma viagem para a eternidade. Para essa viagem ser boa precisamos de:


  • Planejamento para se equipar de acordo com a viagem. Planejar o que queremos fazer e como queremos fazer.
Para comprar uma casa, um carro, trocar móveis, viajar… Todas essas coisas são muito boas, mas é preciso se planejar para saber se o casal pode arcar com as despesas que essas ações geram. Um bom controle financeiro pode ajudar bastante o casal.


  • Investimento para fazer a viagem dar certo.
Tirar férias, passear, comprar presentes, ir a lugares legais, reformar a casa…  Tudo isso é investimento e investir significa gastar grana, mas também significa ter retorno que no caso irá proporcionar mais alegria, intimidade e vigor, renovando o ânimo do casal!


  • Manutenção para fazer com que a viagem aconteça até o final. Aqui se encaixam amizades com outros casais cristãos, ser acompanhado por líderes mais experientes, compartilhar com eles as situações e ouvir os conselhos.
Geralmente a cada 5 anos mudamos nossa maneira de pensar, nossa forma de enxergar as coisas. Por isso deve haver muita conversa, bate papo entre o casal. Também é bom ter um casal de amigos que possam andar juntos, para nos aconselhar, compartilhar as experiências e ajudar a não errar.


O casamento é uma benção e um desejo de Deus e quando Deus está no centro dele então dura para sempre! Que você possa ser uma mulher/homem de Deus para seu futuro cônjuge! E que Deus continue nos dando sabedoria para fazer uma boa escolha, no tempo e na condição certa!

Nenhum comentário:

Postar um comentário